IAG Saúde e SES-MG finalizam a capacitação dos agentes da vigilância sanitária em Segurança do Paciente



 

Workshop com participação da Dra. Tania Grillo marcou a conclusão do curso “Gestão Integrada da Qualidade – Segurança do Paciente (RDC 36)” pelos agentes da VISA-MG.

 

 

Secretaria de Saúde realiza workshop sobre segurança do paciente

 

Dando continuidade ao trabalho de capacitação aos profissionais que trabalham com vigilância sanitária, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) promove nos dias 3 e 4 de maio um workshop sobre segurança do paciente. O objetivo é discutir o papel da VISA na redução da proliferação de microrganismos resistentes.

 

“Realizamos atividades de capacitação sobre segurança do paciente desde 2015. Nossa equipe de vigilância é treinada constantemente para monitorar os eventos adversos, as ocorrências de surtos e para sensibilizar gestores de saúde sobre o assunto. Nosso objetivo é reduzir a incidência e a proliferação desses microrganismos resistentes com medidas de saneamentos, higiene e prevenção”, explicou Nádia Aparecida Dutra, Coordenadora de Investigação e Prevenção das Infecções e Eventos Adversos.

 

Segundo Nádia, nos últimos anos ocorreu um aumento de infecções por germes multirresistente tornando-se um grande problema para a saúde pública e para a segurança dos pacientes. A VISA busca evitar a proliferação desses germes realizando inspeções em unidades de saúde. Outra ação é a orientação dos profissionais sobre medidas como limpeza e desinfecção de superfícies, higienização das mãos e racionalização do uso de antimicrobianos.

 

A coordenadora da Vigilância Sanitária da Regional de Saúde de Diamantina, Nara Viana é enfermeira e uma parte do seu trabalho consiste em realizar inspeções nas unidades de saúde dos 33 municípios que fazem parte da regional e ela destaca, “a maior dificuldade do trabalho é alcançar a conscientização dos profissionais que prescrevem medicamentos sem necessidade ou sem seguir as orientações em relação a posologia e tempo de tratamento”, opinou Nara.

 

Durante o workshop, a referência técnica em Segurança do Paciente, Rosilene Madureira falou que entre as competências da VISA estão a avaliação das medidas adotadas pelas unidades de saúde para evitar a proliferação de microrganismo: “avalia-se as medidas adotadas, acompanha a implementação das ações, solicita informações e cobra as notificações de surtos”.

 

Capacitação contínua


Em 2017, a SES-MG, em parceria com o Instituto de Acreditação e Gestão em Saúde (IAG- Saúde), proporcionou aos profissionais da VISA o curso Gestão Integrada da Qualidade e RDC 36- Segurança do Paciente, realizado no processo de Ensino à Distância (EAD), o curso teve a duração de um ano.

 

A enfermeira, Nara Viana, apoiou a iniciativa: “abriu possibilidade de atualização do conhecimento. Além disso, demonstra uma preocupação constante da equipe da VISA no estado com a capacitação contínua dos profissionais envolvidos na inspeção das unidades de saúde”, disse.

 

Netsa sexta-feira, será a conclusão do processo com a entrega de certificados aos participantes. “O curso contribuiu muito para a nossa equipe. E para a melhoria do nosso processo de trabalho em relação às investigações dos eventos adversos”, avalia Nádia.

 


 Fonte: Governo de Minas Gerais

 

 

 

CAPACITAÇÃO REALIZADA PELO IAG SAÚDE

 

No último dia do workhop promovido pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, estiveram presentes a Diretora do IAG Saúde, Dra. Tania Grillo, e as tutoras do curso e consultoras do IAG, Cláudia Campos e Luciane Rosa.

 

Em parceria com a SES-MG, o IAG Saúde ministrou a capacitação em Gestão Integrada da Qualidade – Segurança do Paciente (RDC 36), no período de 10/04/2017 a 01/04/2018, perfazendo 150 horas em atividades no ambiente virtual de aprendizado. Os alunos em questão foram os agentes da Vigilância Sanitária de Minas Gerais.

 

A Dra. Tania Grillo proferiu uma palestra sobre a importância da segurança do paciente em instituições de saúde, elogiando o árduo trabalho realizado pelos agentes da VISA-MG nesta seara, em unidades de saúde de todo o Estado.

 

Após a palestra, Márcia Nakamura, da SRS Barbacena/SES-MG, deu seu depoimento sobre o curso, enumerando os benefícios que ele trouxe:

  • Desmistificar e entender a linguagem da Gestão da Qualidade;
  • Incorporação das práticas da gestão da qualidade visando a melhoria das ações desenvolvidas;
  • Habilidades desenvolvidas para identificar, avaliar e solucionar problemas no ambiente de trabalho e na prática da fiscalização
  • Qualificação para o exercício da função pública
  • Embasamento teórico proporcionando o aperfeiçoamento das ações de controle sanitário, com foco na Segurança do Paciente

 

Como contribuições para o Sistema de Saúde em Minas Gerais, Márcia citou a melhoria da qualidade da assistência; a expectativa de redução dos eventos adversos e seus custos para o sistema; a implantação e qualificação dos NSP.

 

Para concluir o workshop, foram entregues, pelas mãos das tutoras Cláudia e Luciane, os certificados de conclusão da capacitação para os agentes da Vigilância Sanitária
de MG.

 

Confira as fotos:

 

iag saude anvisa