Desenvolvimento da Rede



ETAPA 2

DESENVOLVIMENTO DA REDE DE PRESTADORES

 

A operadora pode induzir a melhoria de qualificação e desempenho da sua rede eliminando as consequências assistenciais e os desperdícios decorrentes da má qualidade e da insegurança assistencial. Assim, ela é capaz de transformar o cenário de sua rede mudando o modelo de gerenciamento da mesma.

 

Após realizar uma análise dos níveis de segurança, conforto, complexidade e resolutividade dos prestadores, o IAG Saúde elabora um projeto específico para aquela operadora, de acordo com o panorama da sua rede.

 

São várias as soluções que podem ser implantadas com o objetivo de desenvolver e melhorar a qualificação e o desempenho da rede:

 

1. Capacitação da rede para o desenvolvimento gerencial e assistencial

 

A capacitação de rede de prestadores é realizada em projetos individualizados para a realidade diagnosticada pelo SCORE Rede em cada prestador. Após o diagnóstico, os requisitos não atendidos pelo prestador se transformam em objetivos de reestruturação gerencial em um projeto detalhado de implantação. Por meio de capacitação por ensino a distância e presencial, o prestador será capaz de se qualificar.

 

2. Mudança do modelo remuneratório

 

O modelo de compra de serviços poderá ser modificado estabelecendo preços diferentes para níveis diferentes de qualidade mensurados na avaliação do SCORE Rede. Ou seja, os prestadores receberão remuneração diferenciada para níveis de 1 a 10 da classificação SCORE Rede.

 

3. Aplicação do DRG Brasil

 

Para se obter o melhor serviço assistencial é necessário que o prestador tenha condições operacionais mínimas (estrutura e processos), que são mensuradas pelo SCORE Rede. O DRG Brasil é a metodologia utilizada para verificar se a entrega da assistência foi de fato adequada tanto do ponto de vista econômico quanto assistencial. O DRG Brasil mensura o desempenho do prestador e complementa a avaliação de qualificação realizada pelo SCORE Rede.

Conheça o DRG Brasil: www.drgbrasil.com.br